Fashion revolution

Quem fez minhas roupas?

Esta é a pergunta que direciona todas as ações do Fashion Revolution, movimento criado por um conselho global de líderes da indústria da moda sustentável que tem como objetivo trazer ao debate e ao conhecimento do consumidor o verdadeiro custo da moda e seu impacto em todas suas fases, desde o processo de produção até o consumo.

Celebrada no dia 24 de abril como forma de manter viva a lembrança dos mais de mil trabalhadores que perderam a vida no desabamento de uma fábrica de tecidos em Bangladesh - em uma tragédia que expôs ao mundo um lado da indústria de roupas que, muitas vezes, pode ser bastante obscuro - a campanha Fashion Revolution objetiva ações mais éticas e transparentes nas relações de trabalho na indústria fashion. Desde 2014, o movimento convoca lojas e marcas de moda, estilistas, produtores de algodão, operários e ativistas para se unirem em um dia com o propósito de fazer o consumidor se questionar quem confecciona suas roupas, incentivando as pessoas a se darem conta que a compra é apenas o último passo de uma longa jornada que envolve centenas de indivíduos, realçando a força de trabalho invisível por trás das peças que se veste.

Aderindo à edição nacional do movimento, que este ano acontece entre os dias 24 e 30 de abril em mais de 90 países, a marca gaúcha Rala Bela decidiu abrir sua fábrica e dividir sua experiência de mais de 25 anos no mercado com os alunos dos cursos de moda e design das faculdades ESPM, de Porto Alegre, e UCS, de Caxias do Sul.

“Ao abrir as portas de nossa fábrica e mostrar todo nosso processo produtivo, a Rala Bela está contribuindo para tornar a indústria da moda um cenário cada vez mais transparente e ético. Nossa ideia é mostrar aos universitários os nomes e histórias que estão por trás da nossa cadeia de produção, as pessoas que colocam a mão na massa e fazem a Rala Bela acontecer”, diz Marinês Luft, diretora da empresa.

Fashion Revolution Day

Nós aderimos ao Fashion Revolution Day e nos propomos a responder, por meio das redes sociais, uma simples pergunta que pode ser feita por você: “Quem fez a minha roupa?”.

Para participar, é muito fácil:

1 - Faça uma selfie vestindo a sua peça de roupa da Rala Bela
2 - Publique no seu Instagram ou Facebook a foto e pergunte: @ralabela_oficial #quemfezminharoupa? #fashionrevolution #ralabela

Pronto!
Em 48 horas responderemos a sua pergunta mostrando o rosto da pessoa que fez sua roupa e mostraremos para o mundo que é possível criar uma moda sustentável e transparente.